Tag Archives: software

Porque você disse isso?!

O germe dos websites dinâmicos, que não somente apresentam conteúdo fixado no texto já estava presente na invenção do hyperlink. A sintaxe é realizada pelo “leitor”, ele escolhe a ordem e a completude de toda leitura realizada online. Saltando de um texto a outro via cliques, é um co-autor, recompilador dos discursos disponíveis. Somado a isso vem a facilidade de publicar o próprio conteúdo. E potencializando o caldo final, entra também a facilidade, via Control-C / Control-V, de cristalizar as leituras das quais agiu em co-autoria inesperada, gerando um discurso final (embora fugaz e de originalidade questionável frente a padrões anteriores), que por sua vez está automaticamente submetido a estas mesmas regras de apropriação.

Estabelecida a fugacidade, o “nevermind” de tudo o que esteja presente na Internet, chegam os websites sociais, em cuja própria origem está o desejo de “arranjar mulher” (vide a história da criação do Friendster) e o conteúdo publicado não é mais algo que alguém gera, senão a presença deste próprio alguém: Não veja mais minhas criações, veja a mim mesmo. Ligado a isso estão plataformas que possibilitam “linkar” as pessoas, no início representações de conexões da vida real, seguidos por amigos-do-amigo e, fatalmente, gerando conexões geradas na cena virtual em si.

Ruminando o motivo inicial das redes sociais regurgitou-se algo totalmente diferente. A tônica é a corrida pela quantidade de conexões feitas, no melhor estilo “eu quero ter um milhão de amigos e bem mais forte poder cantar” e, paradoxalmente, seguir cantando praticamente sozinho. É notável, websites sociais que exploram nichos não tem proporcionalmente o mesmo sucesso do que aqueles de escopo geral. Mesmo em termos nacionais, a “tomada” do Orkut pelos brasileiros basicamente matou o website para o resto do mundo. É necessário ter o mundo todo aos pés, ao menos em potencial.

É imprevisível o futuro destes websites, possibilidades incluindo até a fadiga ou o esvaziamento do modelo, pela simples passagem do tempo ou pela presença massiva de spam e de perfis falsos ou comerciais/promocionais. Mas o mais provável é a manutenção, ampliação e concentração das redes sociais. Mesmo que mais lenta do que a oferta de novidades, a vida das pessoas entrantes passa e o grande público da Internet (os jovens, que não experimentam qualquer estranhamento ou ruptura ao tomarem contato com um mundo em que ter um perfil do Orkut é norma) segue crescendo, conquistando renda própria e hábitos de consumo intrinsecamente ligados a essas tecnologias.

(voltei a postar, após atualizar o WP e tudo o mais, quando vi que tinha um “draft” velho aqui, meio sem começo e assim vai)

Free Download Manager – o campeão é de graça

Atualização: Esse post é velho demais, nele brinquei com essa funcionalidade de customizar o FDM. Agora, retiro o link do download dessa versão personalizada, mas continuo usando e recomendando as versões atualizadas do programa.

Downloads são uma parte principal da rotina online e usar um gerenciador de downloads é fundamental. GetRight e DAP – Download Accelerator Plus são algumas famosas opções comerciais com versões grátis. Mas o Free Download Manager, em minha opinião, é o melhor deles e é de graça.
Um acelerador de download desempenha funções básicas, como dividir o arquivo em vários pedaços, baixando-os simultaneamente economizando assim o seu tempo e reiniciar downloads inacabados. O Free Download Manager além do óbvio tem algumas funções muito interessantes, em destaque aqui:

Screenshot do FDM

– Busca automática de “mirrors” – sites que hospedam arquivos iguais, para que você possa baixar seu arquivos com mais conexões simultâneas.
– Drop Box – Uma caixa em sua área de trabalho para onde você pode “arrastar” um link de download.
– Integração com o navegador Firefox (juntamente com a extensão FlashGot ), que permite baixar todos os arquivos de uma página ou baixar a sua seleção de links.
– Ajuste automático da velocidade de download, para não influir em sua navegação normal, enquanto baixa arquivos.
– Avisos sobre um arquivo perigoso ou duvidoso, de acordo com um bando de dados de avisos da comunidade.

Encurtando a história, baixe a sua cópia do FDM em seu último download não otimizado e veja outras características legais deste programa que além de tudo é de graça, é grátis e não custa nada.

Aliás, no screenshot acima, estou baixando alguns MP3 gratuitos, bacanas e legais.

Clique aqui para baixar o Free Download Manager, em um oferecimento helil.net

Clique aqui para baixar o arquivo adicional em português (após a instalação do FDM, coloque este arquivo na pasta “lang”).

Autostitch

Criar fotos panorâmicas; mais fácil, impossível (com versão demo grátis).

Vem dos Laboratórios de Inteligência Computacional da Universidade de British Columbia, um grande pequeno notável: Autostitch. Este software com menos de 700k, possui um algoritmo poderoso para emendar fotos em sequência. O download da versão demo é gratuito (arquivo zip – link abaixo). panorama

É bom preparar antes a sua série de fotos (por volta de 50 é uma boa quantidade, segundo o site do programa). Coloque todas em uma nova pasta, para facilitar.

Após descomprimir o arquivo zip, basta executar o autostitch.exe, abrir a pasta onde estão suas fotos , selecionar todas e aguardar alguns minutos. A foto resultante abre-se automaticamente no seu visualizador padrão.

O programa está em inglês, mas você não deve precisar ler nada, embora haja um menu de “sintonia fina” dos elementos da emenda, para os mais profundos.

A imagem deste quintal é meu primeiro teste com o programa. Impressiona esperar uns 4 minutos pra renderizar e ver o resultado final. A outra imagem foi feita há uns 10 anos, uma seqüência de três fotos analógicas feitas às portas do Vale do Pati, Chapada Diamantina – BA, aquela beleza toda. Vale do Pati

Na Internet muita coisa interessante pode ser achada em fotografia panorâmica, como “The World Wide Panorama Map”, um mapa interativo com panoramas pelo mundo todo. Em panoramas.dk, um vasto acervo de fotografias em 360 graus, com destaques para torre Eiffel, monte Everest, a Lua (!) e a Times Square(NY). Nestes últimos, é necessário o software Quicktime para visualização.

Links:

– Autostitch . Abrir em nova janela Autostitch . Conte�do em l�ngua estrangeira

– The World Wide Panorama Map . Abrir em nova janela  The World Wide Panorama Map . Conte�do em l�ngua estrangeira

– panoramas.dk . Abrir em nova janela  panoramas.dk . Conte�do em l�ngua estrangeira