Lobão

Ao sair de casa aos 17 anos para se tornar músico profissional, Lobão não imaginava a trajetória controversa que iria ter. Sua primeira banda – Vimana – foi formada com Lulu Santos e Ritchie, e só durou três anos por absoluta falta de incompatibilidade tanto musical quanto pessoal. Excursionou com Marina Lima, Luiz Melodia e Walter Franco como baterista. Fundou a banda Blitz junto com Evandro Mesquita, mas, também por incompatibilidade, saiu do grupo antes de vir o sucesso comercial. Em 1982 começa sua carreira solo, marcada pelo sucesso Me chama, uma das músicas mais gravadas no Brasil. Sempre vivendo altos e baixos, Lobão parece estar mais calmo e maduro. Após fazer apologia explícita contra as gravadoras, vender seus discos em bancas de jornal e ser a favor da liberação das músicas pela internet, o músico participa do projeto Acústico MTV. Revisita antigos sucessos e grava novas canções. Continua polêmico, mas um pouco mais manso. Vale a pena.

Segue abaixo “Vou te levar” – Acústico MTV 2007

Vale a pena ver também essa entrevista, na qual Lobão consegue a proesa de deixar o Jô Soares quieto.

Por Flávio Vieira